Cabeamento: uma visão geral

Clique em uma categoria abaixo para acessar a seção e os gráficos ilustrativos correspondentes.
Consulte o  documento ID: 214431 para informações sobre cabeamento dos discos FreeAgent GoFlex.

Discos rígidos externosDiscos rígidos internosDiscos rígidos de rede
USB 2.0Serial ATA (SATA)Ethernet
USB 3.0(Parallel) ATA (PATA) 
FireWire 400M.2 
FireWire 800U.2 (SFF-8639) 
eSATA  
eSATA alimentada  
Thunderbolt  

 

Discos rígidos externos

USB 2.0

USB é o tipo de conexão mais comum para dispositivos externos, sejam eles unidades de disco rígido externas, unidades thumb, unidades flash, impressoras, câmeras ou outros dispositivos.  A conexão USB é extremamente fácil de usar.  Com o computador ligado ou desligado, simplesmente conecte o cabo ao dispositivo; ele deverá estar pronto para o uso em menos de 30 segundos (dependendo da velocidade do computador). 

(Clique para expandir)
Imagem
O cabo USB tem duas extremidades - uma para conexão ao disco e outra para conexão ao computador.  Veja nesta imagem o conector 'A', que será encaixado em uma porta retangular correspondente no computador.  Às vezes, essas portas são encontradas na parte dianteira e na parte traseira do computador.  Normalmente, não faz diferença conectar a unidade a uma porta dianteira ou traseira, mas, caso haja algum problema, é melhor conectá-la a uma porta na parte traseira do computador.  

Imagem
O símbolo de USB geralmente se encontra perto das portas no computador.

(Clique para expandir)
Imagem
A maioria dos cabos USB fornecidos com discos da Seagate e da marca Maxtor têm esta aparência. Observe que o tamanho do encaixe do conector na unidade é menor do que, por exemplo, uma porta USB de uma impressora, mas muitas câmeras digitais usam conector do mesmo tamanho.

Certas unidades Seagate e Maxtor são alimentadas apenas por USB e não possuem um cabo separado. Geralmente elas recebem energia suficiente pela conexão USB, embora, às vezes, seja necessário conectar ambos os cabos, ou conectar um cabo a um hub USB. Essas unidades são indicadas nos links a seguir, com uma imagem dos respectivos cabos.

(Clique para expandir)
Imagem
Seagate FreeAgentGo

(Clique para expandir)
Imagem
Maxtor OneTouch 4 mini e OneTouch III mini

(Clique para expandir)
Imagem
Disco portátil da Seagate

 

USB 3.0

USB 3.0 é outra geração de USB. Em computadores em que todos os dispositivos e drivers são compatíveis com o desempenho máximo do USB 3.0, ele proporciona um desempenho significativamente superior ao USB 2.0.

Ele também é compatível retroativamente com USB 2.0, assim, um dispositivo com cabo USB 3.0 é compatível com um computador que tenha apenas portas USB 2.0. É extremamente fácil de usar. Com o computador ligado ou desligado, basta conectar o cabo ao dispositivo e ele estará pronto para ser usado em menos de 30 segundos (dependendo da velocidade do computador).

O cabo USB tem duas extremidades - uma para conexão à unidade e outra para conexão ao computador. A entrada na unidade não é a mesma que a do USB 2.0, mas o conector para o computador é compatível com USB 2.0, mantendo seus próprios atributos especiais. Às vezes, essas portas são encontradas na parte dianteira e na parte traseira do computador. Normalmente, não faz diferença conectar a unidade a uma porta dianteira ou traseira, mas, caso haja algum problema, é melhor conectá-la a uma porta na parte traseira do computador.

O símbolo de USB geralmente está indicado ao lado das portas no computador.


FireWire 400 e 800

 

FireWire é uma conexão semelhante a USB, pois também é plug and play. Basta conectar o dispositivo ao computador e ele geralmente estará pronto para ser usado dentro de 30 segundos. O FireWire é muito mais comum em computadores Mac do que em computadores Windows.

FireWire é fornecido em duas velocidades: FireWire 400 e FireWire 800.  Geralmente, o FireWire 400 (também conhecido 1394a) proporciona um desempenho semelhante ao USB 2.0.  O FireWire 800 (1394b) é significativamente mais rápido, oferece um desempenho semelhante a um disco interno Serial ATA e está disponível quase exclusivamente em computadores Mac.

(Clique para expandir)
Imagem
Este é um gráfico dos dois tipos de cabos e portas FireWire.

(Clique para expandir)
Imagem
Este é um gráfico detalhado de uma porta FireWire 400 típica.
 

eSATA

eSATA (external Serial ATA) é uma interface de alto desempenho mais comumente encontrada em computadores Windows, embora em casos raros. 

Os produtos Seagate que possuem essa conexão são:  FreeAgent XTreme, FreeAgent Pro (clássico) e o disco Seagate eSATA.

(Clique para expandir)
Imagem
Este é um gráfico detalhado do cabo e da porta eSATA.  Observe que o conector do cabo e a porta se parecem com um conector e porta Serial ATA normais, mas não são intercompatíveisdevido a pequenas diferenças físicas.


eSATA alimentada

A interface eSATA alimentada proporciona alto desempenho como a eSATA, mas, assim como o USB 2.0, também fornece energia elétrica para operar uma unidade sem necessidade de um cabo de alimentação separado. Essa interface é ainda mais rara do que eSATA. Um dos tipos de cabos de upgrade do FreeAgent GoFlex, que é compatível com o FreeAgent GoFlex e GoFlex Pro, usa a interface eSATA alimentada.

Este é um gráfico do cabo do upgrade.


Thunderbolt

Imagem adicionada pelo usuário

 

Com o adaptador Thunderbolt da Seagate para discos Backup Plus e GoFlex, alguns discos Backup Plus, Backup Plus para Mac, GoFlex, GoFlex Pro, GoFlex Slim, GoFlex Turbo, GoFlex para Mac, GoFlex Slim para Mac ou GoFlex Pro para Mac podem ser conectadas a uma porta Thunderbolt da Apple em um computador Apple ou Windows.
Para computadores com Windows, são necessários drivers adicionais para o adaptador Seagate Thunderbolt, bem como para a porta Thunderbolt na placa-mãe (disponível pelo fabricante do computador ou da placa-mãe). 
Para MacOS, consulte informações sobre Thunderbolt no seguinte arquivo de suporte da Apple:
 
Introducing Thunderbolt
 

HDs internos

Serial ATA (SATA)

Serial ATA é a conexão mais comum para discos internos nos PCs e Macs modernos. Pode haver várias portas SATA em qualquer placa-mãe ou placa controladora.  Um cabo conecta um disco rígido a uma porta na placa-mãe (ao contrário do Parallel ATA).

(Clique para expandir)
Imagem
Esta é uma imagem do cabo vermelho SATA e do cabo preto SATA, e também uma imagem frontal do conector SATA. 

(Clique para expandir)
Imagem
Este é um desenho da parte traseira de um disco SATA, com o cabo de dados e o cabo de alimentação conectados a ele.

Alguns discos SATA incluem um pequeno adaptador de alimentação que se conecta ao cabo de alimentação normal dentro de um PC ou Mac mais antigo, de forma que poderá se conectar ao disco SATA.
(Clique para expandir)
Imagem
Esta é uma imagem desse adaptador de cabo de alimentação.


Imagem
Esta é uma ilustração detalhada do adaptador encaixado ao conector de alimentação no disco SATA.


(Parallel) ATA

ATA é uma conexão comum para unidades internas em computadores PC e Mac desktop mais antigos (anteriores ao G5) e para dispositivos como unidades de CD e DVD em computadores PC e Mac mais modernos. Ela possui um conector de cerca de 5 cm de largura, com 40 pequenos pinos cor ouro, que se encaixam nos 40 pequenos orifícios correspondentes no conector. 
Pode haver de duas a quatro portas ATA em uma placa-mãe. Um cabo pode se conectar a dois dispositivos ao mesmo tempo. 

(Clique para expandir)
Imagem
Esta é uma imagem de um cabo ATA normal. 

Conector azul - é sempre conectado à placa-mãe.

Conector cinza (central) - é usado para dispositivos escravos no cabo.

Conector preto - é usado para a conexão de dispositivos principais.

Um disco ATA também tem diferentes configurações de jumper, dependendo de se estiver conectado como mestre ou escravo. 

Observe que existem cabos ATA mais antigos, mas um disco rígido requer o cabo condutor 80, conforme mostrado aqui:

(Clique para expandir)
Imagem

(Clique para expandir)
Imagem
Por fim, esta é uma imagem do cabo ATA e do cabo de alimentação conectados à parte traseira de um disco ATA.

Um disco rígido ATA que é conectado ao mesmo cabo que uma unidade de CD ou DVD deve ser conectado à posição principal, com a unidade de CD ou DVD na posição secundária.

M.2

O conector M.2 foi desenvolvido para dispositivos de formato pequeno e, por isso, ele será visto com maior frequência em tablets e notebooks.  Esse conector suporta placas sem fio e SSDs, bem como comandos NVMe.

           Imagem adicionada pelo usuário

U.2 (SFF-8639)

O nome do conector SFF-8639 mudou para U.2, que é mais simples para o mercado de consumo.  Esse conector é usado com alguns dos novos SSDs NVMe.  O U.2 utiliza 4 faixas PCIe 3.0 para proporcionar velocidades muito mais rápidas do que a interface SATA.  Como a maioria das placas-mãe não tem um conector U.2, um adaptador de M.2 para U.2 ou de PCIe para U.2 pode ser usado.

Imagem adicionada pelo usuário

Discos de rede

Ethernet

Ethernet é o mesmo tipo de conexão usado pelo computador para se conectar ao seu dispositivo de Internet (cabo, DSL modem etc.). 

(Clique para expandir)
Imagem
Esta é uma imagem do cabo Ethernet.

(Clique para expandir)
Imagem
Este é um diagrama da porta à qual o cabo é conectado.

205479redo_BR.html Displaying 205479redo_IT.html.



Por favor, avalie a utilidade deste artigo.