Seagate NAS OS 4 - Como configurar e conectar a um destino iSCSI no Ubuntu LTS 14.04

iSCSI é sigla de "Internet Small Computer Systems Interface." iSCSI é uma extensão da interface de armazenamento SCSI padrão que possibilita o envio de comandos por meio de uma rede baseada em IP. Com ela, os computadores podem acessar destinos iSCSI em uma rede da mesma forma que acessariam um disco conectado diretamente a um computador.

 

O pacote Open-iSCSI será instalado no Ubuntu 14.04 LTS. Dessa forma, o Ubuntu agirá como um iniciador iSCSI que se conectará a um destino iSCSI no Seagate NAS.

Ao conectar-se a um destino iSCSI por endereço IP, é recomendável antes configurar o Seagate NAS com um endereço IP estático/manual.

Vá para a seção Network (Rede) da página de administração do NAS para configurar um endereço IP estático.

O protocolo ISCSI está disponível em produtos NAS OS 4.0, mas com alguns recursos limitados:

  • Um LUN pode ser mapeado somente para um único destino.          
  • Somente modo de arquivo LUN, criado em volume.             
  • Modo de bloco de LUN não suportado.         

           
Um arquivo LUN está sempre vinculado a um destino: quando você cria um destino, um arquivo LUN é consequentemente criado. Arquivos LUN não podem existir sem um destino.

Criação de um destino iSCSI

  1. Efetue login na página de boas-vindas do NAS como administrador ou como um usuário com privilégios administrativos.
  2. Na página inicial, clique no ícone do Device Manager (Gerenciador de dispositivos).
  3. Na lista de opções à esquerda, clique em Volume, localizado sob Storage (Armazenamento).
  4. Clique no botão Add iSCSI (Adicionar iSCSI), sob Associated iSCSI targets (Destinos iSCSI associados).
  5. Selecione Create new (Criar novo) e clique em Next (Avançar).
  6. Defina a capacidade e as opções em Advanced parameters (optional) (Parâmetros avançados (opcional)) e clique em Next.

A capacidade do destino iSCSI é limitada a um total de 8 TB ou ao espaço livre disponível do NAS.

Neste exemplo, não selecionaremos nenhuma das opções avançadas e o tamanho é 25 GB.

Observação sobre os parâmetros avançados de iSCSI (não usados neste exemplo específico):

Header Digest (Resumo de cabeçalhos) - aumenta a integridade de dados. Garante a validade da parte de cabeçalho da unidade de dados de protocolo.

Data Digest (Resumo de dados) - aumenta a integridade de dados. Valida o segmento de dados da unidade de dados de protocolo.

Multiple Sessions (Várias sessões) - Destina-se a várias conexões a um único destino iSCSI. Para evitar a corrupção ou perda de dados, certifique-se de que esteja operando em um ambiente de cluster.

CHAP (Challenge Handshake Authentication Protocol, protocolo de autenticação de handshake de desafio) - Permite a autenticação de CHAP unidirecional ou mútuo com o Iniciador iSCSI da Microsoft e o destino.

Authorized IQN (IQN autorizado) - IQN é sigla de iSCSI qualified name (nome qualificado iSCSI. O IQN identifica um elemento iSCSI específico, seja qual for sua localização física. O IQN pode ser localizado no Iniciador iSCSI no SO Windows que usará o destino iSCSI..

Se um IQN de um servidor ou estação de trabalho Windows for atribuído como um IQN autorizado, somente esse sistema poderá conectar ao destino iSCSI.

  1. Clique em Finish (Concluir) para confirmar as seleções.

Quando o destino iSCSI tiver sido criado, será mostrado como desconectado. Um menu suspenso Edit (Editar) está disponível para excluir o destino iSCSI, editar opções ou exportar.

Instalação do iniciador iSCSI

Para configurar o Ubuntu como um iniciador iSCSI, instale o pacote Open-iSCSI.

  1. Abra um Terminal. No prompt, digite o seguinte e depois pressione Enter:
    sudo apt-get install open-iscsi


     
  2. Quando o pacote open-iscsi for instalado, edite /etc/iscsi/iscsid.conf. Neste exemplo, o editor Nano foi usado. No prompt, digite o seguinte e depois pressione Enter:
    sudo nano /etc/iscsi/iscsid.conf
  3. Nas configurações iniciais, remova o símbolo de libra do seguinte:
    # node.startup = automatic
    Insira um símbolo de libra para comentar o seguinte:           
    # node.startup = manual

Verifique os destinos iSCSI disponíveis usando o utilitário iscsiadm

  1. Em um prompt do Terminal, digite o seguinte e depois pressione Enter:
    sudo iscsiadm -m discovery -t st -p (o endereço IP do NAS aqui)    
    -m: determina o modo de execução de iscsiadm.
    -t: especifica o tipo de descoberta.
    -p: opção indica o destino/endereço IP do NAS.

    O destino iSCSI foi descoberto.



    Agora, você deverá poder conectar-se ao destino iSCSI. Dependendo da configuração do destino, pode ser necessário inserir as credenciais do usuário. Neste exemplo, nenhuma credencial será necessária.
  2. No prompt do Terminal, digite o seguinte e depois pressione Enter:
    sudo iscsiadm -m node --login

    A conexão e o login no destino iSCSI foram realizados com êxito.


     
  3. Confirme se o novo disco foi detectado usando dmesg:
    dmesg | grep sd

    Nessa saída, sdb é o novo disco iSCSI. Isto é apenas um exemplo. As saídas podem variar.


     
  4. No prompt do Terminal, digite o seguinte e depois pressione Enter:
    sudo fdisk /dev/sdb
    1. Digite m para obter ajuda e pressione Enter. Uma lista de comandos será exibida.

    2. Digite n para adicionar uma nova partição e pressione Enter.

      Tipo de partição:
       
    3. Digite p para escolher o padrão, que é Primário, e pressione Enter.
    4. Digite 1 para o número da partição e pressione Enter.
    5. Pressione Enter para escolher o setor Default First (Padrão primeiro).
    6. Pressione Enter para escolher o setor Default Last (Padrão último).
    7. Insira w para gravar a tabela no disco e sair.

Formate o sistema de arquivos

  1. No prompt do Terminal, digite o seguinte e depois pressione Enter:
    sudo mkfs.ext4 /dev/sdb

Crie um ponto de montagem para o disco iSCSI. Neste exemplo, criaremos um diretório chamado iscsi na raiz.

  1. No prompt do Terminal, digite o seguinte e depois pressione Enter:
    cd /                                     Pressione Enter
    sudo mkdir iscsi        Pressione Enter

Monte o disco iSCSI

  1. No prompt do Terminal, digite o seguinte e depois pressione Enter:
    sudo mount /dev/sdb1 /iscsi

O disco iSCSI deverá estar montado agora.

  1. Para visualizar o disco iSCSI, no prompt do Terminal, digite o seguinte e depois pressione Enter: 
    dh -h then            

    (Um destino iSCSI de 25 GB foi usado neste exemplo)

Altere as permissões para /iSCSI

  1. No prompt do Terminal, digite o seguinte e depois pressione Enter:
    sudo chmod 777 /iscsi     

Adicione uma entrada para o arquivo /etc/fstab usando o editor de texto nano para montar o disco iSCSI na inicialização

  1. No prompt do Terminal, digite o seguinte e depois pressione Enter:
    sudo nano /etc/fstab         

    Adicione a seguinte linha ao arquivo fstab, salve e saia. (Teclas CTRL + X) Responda Yes (Sim):  /dev/sdb1   /iscsi   ext4     defaults,auto,_netdev 0 0

Acesso ao disco iSCSi

  1. Abra o ícone de arquivos no lado esquerdo da área de trabalho do Ubuntu:            


     
  2. Selecione Computer (Computador) em Devices (Dispositivos) e abra a pasta iSCSI.



    O disco iSCSI está pronto para ser usado.

    Obs.: as informações e capturas de tela neste artigo são voltadas para a configuração do destino iSCSI do Seagate NAS OS 4.0 e para uma configuração básica funcional para a conexão a esse destino iSCSI no Ubuntu 14.04 LTS. Para obter ajuda e solução de problemas para o Ubuntu, visite: http://www.ubuntu.com/support




Por favor, avalie a utilidade deste artigo.